15 minutos.

andre nunes 2007


Quando a água do des-ge-lo começou a escorrer, o medo invadiu-me a alma. Não sei se medo é a coisa mais autêntica de se sentir nesse momento, porque era por conta de tudo que houvera armazenado na alma que agora fazia sentir esse que vos escreve, absurdo.
E pus-me num plano-pacto de espreitar o que dali apareceria. Nova fase fui dando nos breves 15 minutos destinados a escrita diária. Isso aqui, absurdo, tornar-se-á uma espécie de caderno de campo, um instrumento depositária desses afetos, pior vezes por vezes estranho. Ser assim, eu sou. Então aviso de sobreaviso estais informado, serão nessa medida 15 de tempo maquinica big-bangica, no instante do pipoco surgidouro da idéia, que as futuras letras serão dadas, a quem ainda acompanhar o desenvolver desse em-re-des-cons-tru ir. É simples, perceber. Escritura intercortada de recortes variados, capturas de coisas e fatos acontecidos ao vivente. Nada mais que uma configuração desse espírito que se forma em mim. Ando a sobrevoar alturas antes nunca ousadas, guardei por tanto tempo um resquício de tormento, me afastei disso aqui, me afastei de um outro escrito que fazia na arte,ah, oposição a obra de uma alma vampirizada pela dor. Canalhice! Estou farto, é que as palavras, acabei por descobrir, são uma porcaria viciante. Alimentam os desejos de que se está em contato, mas quando se vai cada vez mais adentrando seu reino, percebes também cada vez mais que todas elas são tão ínfimas, não dão mesmo conta do instante do acontecido, em que 4 caças cortam o céu-capital. Malditas bombas coléricas.

Comentários

Rose666 disse…
"15 minutos "
eternidades que podem criar uma vida.
em quinze minutos uma vida se vai.
besteira! resposta vinda de um pensamento barato e empobrecido, talvez seja assim mesmo, na simplicidade estejam "as verdades" e ficamos perdidos buscando grandes revelações.
Penso que algumas vezes as nossas estrelas guias estão a nossa cara e ficamos deslumbrados olhando fogos de artificios.
Mais basta de de dizer tanta besteira, a tua amiga infelizmente só consegue compor literatura barata. Por favor não use inseticida, pois desejo continuar escrevendo
beijos

Postagens mais visitadas