FROM THE TOP TO THE FLOOR

here we are
  not the same
 getting strange
pull of feels
staking unreal
transforming the high station
in a kind of hell
no survivers
no zombies
the same taste of disappear
setting censorship of ourselves
we are the best part of this play
 in the floor, spoiled mistakes
no one can save me
as soon i can
inflate the scream
and go
ahead

Comentários

bagala disse…
Passei aqui pra te dizer:
É uma dadiva a tua presença no Dasa Mahavidya. Amigo um dia nós vamos brindar SAÚDE! Meu pai me disse antes de morrer, num dia em que eu chorava muito : - Voce ainda vai rir muito dessa situação , filha.
Não sei consegui rir daquelas desgraças, apesar da dor cicratizada. Ela sempre deixa a marca. Por isso coloquei tatuagens sobre elas. Como diz o Nata : Fico decorada e não dor-envelhecida.
Assim ao mesmo tempo que sofro ao olhar a devastação destes atuais tsunamis, volta à lembranças aqueles finais de tarde lá no trampo,sexta-feiras. E caio na risada sozinha.
É essa imagem que eu quero guardar.
Gde beijo, aguardo a cerva gelada, bem como os muritos e as tequilas.

9 de Setembro de 2009 18:44

Postagens mais visitadas